17/10/2017 - 10:59

Na manhã do dia 16 de outubro, o espaço ocupado A Travêssa dos Campos foi alvo de uma acção repressiva por parte da autoridade policial.

Chegaram por volta das 7h30 com grande aparato de meios e agentes e preparados para uma entrada rápida e violenta no edifício. Após o arrombamento das portas foi dada a ordem – todos para o chão, caralho! Juntaram todas as pessoas numa sala, duas delas algemadas, e revistaram cada uma delas e os seus pertences. Para além disso, fotografaram e filmaram a operação e toda a gente que resistia no edifício.

103 leituras | 2 comentários
17/10/2017 - 09:16

Squat partout – Tourisme nulle part – Solidariedade Porto, Setubal, Compostela

Ce matin, on s’est reveillè.e.s negativement survoltè.e.s par l’impuissance face à la nouvelle de l’expulsion de l’espace occupé la semaime dernière au centre-ville du Porto, la Travêssa.

153 leituras | 0 comentários
17/10/2017 - 09:13

A Solidariedade atravêssa tudo.

Força aí companheiros, queremos desde já expressar a nossa solidariedade com as vossas ambições. Estamos juntos. É com esta e outras iniciativas que se ultrapassam barreiras/obstáculos da vida quotidiana. Ao criar algo de raiz feito por nós, sem as estruturas do poder dominantes, vivemos um processo que nos garante outra dinâmica político-social. Encorajamos todes que queiram continuar e desafiamos todes a experimentar estas aventuras subversivas de modo a recuperarmos as nossas vidas.

1 Despejo = 1000 Okupações!!!

140 leituras | 0 comentários
16/10/2017 - 08:06

ALERTA... despejo iminente na okupa da travessa.
Aparece. Partilha.

414 leituras | 0 comentários
15/10/2017 - 22:43

Durante esta primeira semana, apela-se a que apareça gente para conhecerem a Travessa, ajudar nas limpezas, na cozinha, nos jogos, na partilha de ideias e recolha de materiais.

15/10 Segunda-feira: 18:30 Ensaio Aberto de Orquestra de Músicas de Intervenção

16/10 Terça-feira: 18:30 Oficina de segurança informática

139 leituras | 0 comentários
14/10/2017 - 23:25

A bófia municipal, juntamente com 4 carros patrulha da PSP, visitou a okupa da travessa, às 22:50.
Foi ordenada aos ocupantes a saída imediata da escola.
Os ocupantes não dialogarem. Juntaram-se algumas dezenas de pessoas no apoio aos ocupantes.
Após 30 minutos, o aparelho repressor desmobilizou. Não se sabe até quando.

249 leituras | 0 comentários
14/10/2017 - 11:25

Nova Ocupação na cidade do Porto
Travessa dos Campos 170 - Apareçam e partilhem

Decidimos ocupar um espaço abandonado há anos, onde nos possamos auto-gerir, sem hierarquias nem delegações, sem pedir autorização às instituições e sem negociarmos com elas, recusando assim qualquer tipo de autoridade por ser um obstáculo à livre expressão individual e colectiva e às livres relações sociais.

333 leituras | 1 comentários
11/10/2017 - 11:29

O alfarrabista João Soares, do Porto, foi notificado de despejo na sequência da venda do prédio da rua das Flores onde está há 20 anos e não encontra alternativas devido a rendas "inimagináveis", como disse hoje à Lusa.

Em declarações à Lusa, João Soares, de 72 anos, revelou que tem procurado um novo espaço para acolher as suas "largas centenas de livros" que já colocou em saldo, tendo sido confrontado com pedidos de renda de "mil, dois mil ou cinco mil euros por espaços ridículos".

261 leituras | 0 comentários
10/10/2017 - 09:36

UMA CONVERSA COM PEDRO PINHO SOBRE “O QUE RAIO É QUE NOS ESTÁ A ACONTECER?”

por Teresa Vieira
em https://www.cinema7arte.com

A saída da sala de cinema, após a visualização de “A Fábrica de Nada”, não é o fim do processo cinematográfico: é, sim, um início para um pensamento, para um questionamento, para uma reflexão sobre inúmeras questões da nossa vida em sociedade. Pedro Pinho lança-nos diversas ideias, diversas pistas e coloca diversas questões sobre o trabalho, sobre a humanidade, sobre a crise, sobre o suburbano, sobre o capitalismo, sobre relações, sobre a vida.

254 leituras | 0 comentários
09/10/2017 - 12:19

Desde já há um tempo os centros sociais de Vigo vimos trabalhando na organizaçom dumhas jornadas solidárias coas pessoas afetadas nas movilizaçons contra o despejo e feche do CSOA Escarnio e maldizer.
Os atos previstos para os dias 14 e 15 de Outubro som:

SÁBADO 14 NA QUINTA DA CARMINHA (rua do Carme 1)
-Às 12:00 Palestra: "Realidade dos centros sociais de Vigo"
-Às 14:00 Jantar
-Às 16:30 Palestra: "Escárnio, passado, presente e futuro da autogestiom"
-Às 19:00 Recital de poesia com micro aberto.

240 leituras | 0 comentários
06/10/2017 - 15:14

CASA DA ACHADA-CENTRO MÁRIO DIONÍSIO
http://www.centromariodionisio.org/

Horário de abertura
Segunda-Feira, Quinta-Feira, Sexta-Feira – das 15h às 20h
Sábado e Domingo – das 11h às 18h

Entrada gratuita no espaço e em todas as sessões

NOVEMBRO 2017

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO

303 leituras | 0 comentários
06/10/2017 - 12:14

Uma manifestação marcada em Lisboa para a tarde desta quinta-feira com o objectivo de protestar contra uma estátua do padre António Vieira, colocada recentemente no Largo Trindade Coelho, não conseguiu realizar a acção a que se tinha proposto: pôr flores ao pé da estátua e fazer uma performance poética. A causa para o impedimento foi a presença de um grupo da extrema-direita.

318 leituras | 0 comentários
06/10/2017 - 11:09

Compilação feita pelo jornal basco Naiz

Consulte todos os vídeos aqui: http://www.naiz.eus/es/blogs/berriola/posts/mapa-de-la-represion-contra-...

303 leituras | 0 comentários
04/10/2017 - 14:18

Após o miniZineFestPt em maio, damos agora início à abertura da III edição de dezembro do ZineFestPt em 1, 2 e 3 de 2017.

Para além do festival existe uma colecção feita de doacções e que tem o propósito de tornar visível e mostrar com maior solidez os trabalhos de zines, livros de artista e arte postal que vão sendo feitos pelo mundo.

Esta colecção tem vindo a crescer através de convocatórias associadas ao festival, e temos recebido imensos trabalhos fantásticos!

Os que foram enviados no ano passado já estiveram aqui: https://zinefestpt.wordpress.com/2017/02/12/2478/

307 leituras | 0 comentários
03/10/2017 - 16:32

Greve geral massiva na Catalunha

340 leituras | 0 comentários
03/10/2017 - 14:51

Ardora, (s)ediçons anarquistas: novo projeto editorial na Galiza

Quiçá a alguns lhes soe pretencioso começar um projeto editorial agora
que os ecráns mediam toda forma de comunicaçom. A outros porém
parecera-lhes básico. Para nós é imprescindível articular um espaço de
comunicaçom, ver os resultados e esforços de umha publicaçom em papel, dar importáncia aos livros e a sua potencialidade subversiva.

Sentimo-nos motivados por esse espírito de luita que outrora abondava e em que a produçom editorial tinha um papel fundamental.

329 leituras | 0 comentários
03/10/2017 - 09:25

Com a crise económica, cada vez mais cidades procuram no turismo um escape para o melhoramento da economia, provocando uma gentrificação apressada e exagerada. Neste momento o Porto é uma cidade extremamente procurada e, devido a uma má gerência do turismo, cada vez mais pessoas estão a ser desalojadas das próprias casas e dos seus negócios. Com isto, o Porto perde cada vez mais a sua essência e cultura local.

372 leituras | 0 comentários
02/10/2017 - 12:45

Tudo o que precisas de saber (e nem todos os media te vão dizer) sobre a consulta de 1 de Outubro e o que vai acontecer nos próximos dias

Apesar do estado de negação das instituições espanholas, o referendo realizou-se. Apesar das intervenções policiais, cargas, balas de borracha, urnas confiscadas, feridos, na esmagadora maioria dos colégios eleitorais a votação realizou-se com normalidade. Mais de 2 milhões de pessoas votaram no dia de ontem. O grandioso e democrático Reyno de España é o principal derrotado deste processo.

377 leituras | 0 comentários
02/10/2017 - 12:06

Mariano Rajoy poderá ficar na História como um dos pais de uma eventual independência da Catalunha. A sua falta de jeito político pode ter feito de um referendo duvidoso uma vitória dos independentistas.

A reunião plenária da “grande festa” da Escola Joan Miró começou com 60 pessoas e as explicações calmas dos “animadores” das atividades que antecederiam a grande festa da música de 1 de outubro, nome de código do referendo para decidir a independência da Catalunha. Leonardo e Alfred revezavam-se nas explicações dadas em tom intimista.

394 leituras | 0 comentários
Syndicate content